sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

A recandidatura de Marinho Pinto

A decisão de se recandidatar a Bastonário não surpreende ninguém. A cerca de dez meses das eleições, Marinho Pinto antecipa-se a outros pretendentes, alguns deles ainda indecisos. Já aqui por diversas vezes dei a minha opinião sobre o Bastonário mais radical e exuberante de que há memória. Não garanto já que não votarei nele, pois tal depende dos restantes candidatos, mas a probabilidade é mínima, isto apesar das virtudes da sua postura e de algumas coisas boas que fez (bem menos que as más, diga-se). Lá mais perto do acto eleitoral pronunciar-me-ei sobre as candidaturas e os programas. Pois é certo que muita água ainda irá correr até lá...

1 comentário:

aires disse...

Eu, como cidadão, sou fan deste homem corajoso, coerente que, em minha opinião, acerta em cheio em muitos dos graves constrangimentos do País, da justiça, da organização do poder politico em geral.

Creio que sem ele, o pantano seria pior, porque ele infunde algum respeito, medo mesmo, aos "sindicatos" do MP e dos Magistrados.

abraço